terça-feira, abril 04, 2017

A honra perdida de Christopher jefferies



Em 2010, na Inglaterra, a estudante de arquitetura Joanna Yeates (Carla Turner) é assassinada e o caso ganha comoção nacional. Christopher Jefferies (Jason Watkins), ex-professor de literatura aposentado e senhorio da jovem, é detido, sendo considerado o principal suspeito pelo crime. Antes da polícia conseguir desvendar o caso, Jefferies passou a ser tratado pela imprensa como culpado, chamado de mostro grotesco simplesmente por sua aparência bizarra e comportamento pedante e afeminado. Jefferies sofreu diversos ataques pessoais por parte da comunidade de Clifton, em Bristol, foi coagido e humilhado pela polícia nos dias em que esteve preso. Quando sua inocência é provada no fim das investigações, por insistência dos amigos, decide entrar em um processo contra oito publicações britânicas por difamação.

Detesto filmes baseado em fatos reais, mas este me atraiu na netflix, não sei por que, talvez por que o tema da injustiça, do inocente cuja vida é vilipendiada, sempre me toca. E neste sentido é um filme impactante que vai nos indignando cena a cena. E o fato do ator que interpreta Christoper jefferies, Jason Watkins ser extraordinário desde a primeira cena, te leva a uma profunda empatia e emoção nada previsível a um filme de viés documental e com tema tão específico. Adorei. 

Nenhum comentário: