segunda-feira, maio 30, 2016

O testamento de Maria, na Aliança Francesa


Adaptado e dirigido por Ron Daniels, O Testamento de Maria inicia temporada no teatro da Aliança Francesa. Denise Weinberg vive a mãe de Jesus e mostra a figura humana complexa da personagem. O espetáculo fica em cartaz até 12 de junho, de quinta à domingo, com ingressos à R$ 50.
“As palavras de Maria, na minha peça, nascem do silêncio. Eu queria criar a ilusão de que eram palavras que nunca foram ditas e que jamais serão ditas de novo", comenta Colm Tóibín, autor da peça. Produzido originalmente na Broadway, o espetáculo procura dar voz a essa mulher pobre e perseguida, angustiada pela crucificação de seu filho.  Mas a obra ultrapassa a figura católica de Maria e mostra suas complexidades e fraquezas como ser humano.
No palco, Denise traz toda a força da mulher que, além de viver as dores pela perda do filho, sofreu com a crueldade dos romanos e dos anciãos judaicos. Com uma extensa carreira no cinema brasileiro, a atriz carioca é uma das fundadoras do Grupo Tapa e já trabalhou com importantes diretores de teatro. Em 2015, foi indicada ao Prêmio APCA de Melhor Direção por Máquina Tchékhov.
Ron Daniels, um dos sócios fundadores do Teatro Oficina, foi diretor associado honorário da Royal Shakespeare Company, na Inglaterra. Hoje mora nos EUA e trabalha como diretor de cinema, ópera e teatro. Seu último trabalho foi Hamlet, com Thiago Lacerda.
Aliança Francesa - Rua General Jardim, 182 - Vila Buarque, São Paulo
(11) 3017-5699 ramal 5602 
 
DOIDO PARA ASSISTIR.

Nenhum comentário: