quarta-feira, outubro 14, 2015

Blacklist, série


Vi o primeiro episódio na Netflix. Rolou aos soluços. Chupa o Silêncio dos Inocentes, mas tem aquele frenesi de corrida de 24 horas. Gosto do James Spander desde sempre. E me parece interessante.

Nenhum comentário: