quinta-feira, julho 31, 2014

PanoPlanet - programa para Android






Manipulando foto


Manipulando foto antiga, tirada pelo Airton, com o programa PanoPlanet

Hoje, novos livros na Martins Fontes

Aproveitando o final do aniversário de 18 anos da Cosac Naif e outras editoras, fui na Martins Fontes e comprei novos títulos:










Pensar com tipos, de Ellen Lupton
O mundo codificado, de Vilém Flusser
Teatro do oprimido e outras poéticas políticas, de Augusto Boal

Caçando carneiros, de Haruki Murakami
Contos vol. 1, de Ernest Hemingway
História da cidade, de Leonardo Benevolo.



domingo, julho 27, 2014

Bettie Page, o documentário


Assisti hoje, pelo Netfix o documentário desse mulher incrível chamada Bettie Page. Para quem não entende o alcance que pode ter um rosto e um corpo para além do óbvio. Icônica.


quinta-feira, julho 24, 2014

Para quem saber, Lucas Rios está aqui.




Segunda-feira passei umas 4 horas conversando com o meu sobrinho Lucas Rios pelo Skype. Ele finalmente me contou da viagem para Itália numa "caravana~carona" multinacional, também, de como foi parado na fronteira da Áustria (ou será da Alemanha) e se deu muito bem já falando em alemão, embora tenha pegado firme para aprender a apenas quatro meses. Diz que tudo vai bem, que está cada dia mais apaixonado por Lily e por sua família. Falou que sente saudades de todos. Que o tio-padrinho Sérgio disse coisas lindas para ele. Que fez um calor nordestino na véspera, na Áustria. Que o sogro ainda hospitalizado apresenta incríveis melhoras. Que os hospitais são ótimos. Que tudo funciona com perfeição. Que as pessoas são gentis. Que há negros fazendeiros ali perto. Que as pessoas amam e tem fascínio pelo Brasil. Que eu deveria ir lecionar na Europa, que eu tenho bagagem para isso. Disse também que está à caça de emprego, pois ser modelo, não dá. Não disse, mas percebi que ele anda bem feliz. Para mim é mais que suficiente saber que ele encontrou um caminho, e que aos 18 anos, a vida dele estende-se para além dos horizontes mais limitados. Que ele é doce, gentil, mas corajoso para ir para o mundo sem pestanejar, e diferente dos caminhos que tinha bem conhecidos aqui, sem angústia, sem sombras e sem medos. Tão diferente da pessoa "ilhada" que eu fui aos "18 anos" que não há como não sentir também reinventando a própria vida na vida de alguém que amamos tanto.


Morte de Ariano Suassuna aos 87 anos


E se fecharam neste 23 de julho de 2014 os olhos "perspectivos" de Ariano Suassuna. Não é um clichê dizer que ficamos mais pobres neste dia. Mas pouco antes disto, ele apareceu em vários jornais pois num aeroporto, gozando da liberdade plena da idade e do temperamento, estendeu-se sem cerimônia no chão simplesmente por que as costas estavam doendo.


Cumpriu sua sentença. Encontrou-se com o único mal irremediável, aquilo que é a marca do nosso estranho destino sobre a terra, aquele fato sem explicação que iguala tudo o que é vivo num só rebanho de condenados, porque tudo o que é vivo, morre.
(Em: O Auto da Compadecida)

E viva O auto da compadecida! E viva A mulher vestida de sol!

segunda-feira, julho 21, 2014

Grandes escritores contistas


Alexandre Herculano


Alphonse Daudet


Anton Tchékhov


Honoré Balzac


Bret Harte


Charles Dickens


Edgar Allan Poe


Eça de Queirós


Guy de Maupassant


Herman Melville


Jack London


Julio Dinis


Nathaniel Hawthorne


O. Henry


Oscar Wilde


Stephen Crane


Tchékhov

domingo, julho 20, 2014

Sou feia mas tô na moda, documentário de Denise Garcia


Sou feia mas tô na moda, de Denise Garcia. Brasil. 2005. 65 min. Finalmente assisti a este documentário ótimo. Nunca me senti atraído, justamente por este título e capa absolutamente idiota. Nada de novo em sua linguagem (fotografia/montagem), bastante convencional, com um digital ainda rudimentar. A surpresa é quanto ao conteúdo, ao referencial que vai costurando com inteligência, complexidade e agudeza o funk. Ou seja, "perpassa" por sua perspectiva de "fenômeno cultural", artístico, político, sociológico, etc etc nas favelas e para além delas. Entrevista seus agentes/criadores, mostra o espaço de djs, cantores, dançarinos e consumidores, rastreia os significados (da hiper-sexualização das letras à influência da mídia, as origens, o processo de construção e o papel das mulheres neste quadro complexo). O documentário trata também da exclusão em decorrência do preconceito às favelas/comunidades e aos pretos pobres favelados. Mostra a construção da indústria de show/entretenimento em formação, sua difusão e repercussão internacional. No final, esfrega na cara de alguém como eu, que se acha detentor de saberes, verdades e bom gosto, o quanto ignorante e preconceituoso sou, o quanto o meu olhar é raso e só reproduz o discurso conservador, obtuso e "de classe" vinculado pela mídia. E viva o documentarista brasileiro!

sábado, julho 19, 2014

SEXTA-FEIRA EM SEBOS

Passei boa parte destas quinta e sexta-feira atrás de uma coleção de livros antigos, daquela editora da infância denominada Círculo do Livro. São todos de coletâneas de grandes contistas universais. São eles:

Os melhores contos de Alexandre Dumas
Os melhores contos de Alphonse Daudet
Os melhores contos de Balzac
Os melhores contos de Bret Harte
Os melhores contos de Charles Dickens
Os melhores contos de Eça de Queirós
Os melhores contos de Edgar Allan Poe
Os melhores contos de Guy de Maupassant
Os melhores contos de Herman Melville
Os melhores contos de Jack London
Os melhores contos de Júlio Dinis
Os melhores contos de O. Henry
Os melhores contos de Oscar Wilde
Os melhores contos de Alexandre Herculano
Os melhores contos de Stephen Crane

Os melhores contos de Natal

Faltam

Os melhores contos de Mark Twain
Os melhores contos de Nathaniel Hawthorne
Os melhores contos de Balsac

Os melhores contos de Tchékhov
Os melhores contos de Dostoiévski





Meu irmão vai fazer 40 anos


E anda bem bonito.

Pulp Fiction faz 20 anos


E pensar que eu assisti a este filme, quando lançado lá no Cine Marabá, no centro de Santo André, hoje um templo evangélico. Assisti milhoes de vezes. Fez minha cabeça sobre possibilidades incríveis de fazer filmes interessantes, críticos, divertidos e intensos. Demorou um tempo para Tarantino voltar a acertar a mão, mas eis que ele recentemente lançou este Django, que é uma maravilha. 20 anos passam num segundo.

Reassistindo MEDIUM


Reassistindo esta série estrelada por Patrícia Arquette e esta família ficcional apaixonante. Adoro séries em que cada episódio abre e se encerra a cada dia. 

Micro-ondas LG-MS3049


Então eu comprei um micro-ondas pela internet. Agora falta chegar.

As fotos bonitas do Soul Art




Resolvi estreitar laços e trabalhar agora de fato com a turma do Soul Art. Começamos pela gravação da entrevista do Marcelino Freire em casa,  com ensaio fotográfico no Largo do Arouche, que é a paisagem forte do romance Nossos Ossos. Este trabalho - GeO Grafia Literária de NOssOs OssOs - abrange um texto crítico que fiz para Revista Z do PACC/UFRJ do romance, e incluirá ensaio fotográfico produzido e a entrevista gravada. Desdobra-se também no trabalho de Cecile Duret, minha orientanda de pós, que está encerrando um ensaio literário sobre os contos de Marcelino, e tradução de quatro de seus contos. Com Soul Art, a ideia é produzir novas entrevistas com autores de literatura, ilustradores, quadrinistas e outros artistas.