sexta-feira, outubro 24, 2014

Annabelle, a boneca apática



Aborrecido com o anti-petismo acéfalo, resolvi estragar meu cérebro com algo menos nocivo. O filme Annabelle. Assisti aqui no conforto do lar, por que me recuso a pagar por filme que sei de antemão que é ruim. Não me decepcionei. É ruim mesmo, o problema já começa pela inverossímil boneca. Que ser humano modelaria, poria à venda e, por fim, compraria uma boneca horrível como essa. A pessoa já tem que estar possuída pelo demônio para fazê-lo. Além disso é um terror fraquinho, em muitas vezes risível. Mas péssimos filmes são contrapontos para sensibilidade, igual música ruim, ajudam no final a reconhecer e valorizar, na medida, o que é realmente bom.


Nenhum comentário: