quinta-feira, abril 17, 2014

Vittorino e a adoração dos pés


E pensar que um dia eu também tive essa flexibilidade.

Nenhum comentário: