quinta-feira, abril 17, 2014

Show "Carta de amor", de Maria Bethânia

Então a irmã de Jorginho me apresentou no Youtube trechos deste espetacular Show/DVD de Maria Bethânia, intitulado Carta de amor, e que reúne canções de seu último cd, Oásis de Bethânia. Defino assim este trabalho: a felicidade. 







Registro do show apresentado, em abril, no Viva Rio, o show Cartas de amor, de Maria Bethânia, chega às lojas em DVD, e em dois CDs avulsos, Carta de amor (ao vivo)  ato 1 e ato (Biscoito Fino). Os discos, por sua vez, contem o 1º e 2º atos do espetáculo conforme foi apresentado no palco, com direção de Bia Lessa.
Bethânia se apresentou com uma banda formada por  Wagner Tiso (piano), Gabriel Improta (violão e guitarra), Paulo Dafilin (violão e viola), Jorge Helder (baixo), Pantico Rocha (bateria), Marcelo Costa (percussão) e Marcio Mallard (cello).
Originado do projeto Oásis e Bethânia, de 2012, Carta de amor reúne 31 canções, com uma homenagem ao Recife, nas canções Festa (Gonzaguinha) e Dora (Dorival Caymmi). Um repertório variado, de bom gosto, lembra os clássicos espetáculos que a cantora apresentou no final dos anos anos 60, e começo dos 70.



Repertório do DVD

1. Canções e Momentos
2. Sangrando
3. Salmo
4. A Dona do Raio e do Vento
5. Cântico Negro (Texto)/ Não Enche
6. Fogueira
7. Casablanca
8. Na Primeira Manhã
9. Calúnia
10. Negue
11. Barulho
12. Fera Ferida
13. Quem me Leva os Meus Fantasmas
14. Cais/ Maria, Maria
15. Festa
16. Dora
17. Lua Branca
18. Estado de Poesia
19. Guacyra
20. A Nossa Casa
21. Só Vendo Que Beleza (Marambaia)
22. A Casa É Sua
23. Santo Amaro Ê Ê/ Quixabeira/ Reconvexo/ Minha Senhora/ Viola Meu Bem
24. Minha Casa
25. O Velho Francisco
26. Carta de Amor
27. Escândalo 
28. Salmo
29. Canções e Momentos
30. Mensagem
31. Não Dá Mais Pra Segurar (Explode Coração)/ O Que É, O Que É

3 comentários:

marcio_LG disse...

Só porque vc postou aqui.... Deixa eu te falar que vi esse show. E a impressão que tive foi, sim, que Bethânia é mesmo uma intérprete sem igual, porém, ocorreu algo muito estranho, algo pelo que não esperava. Fiquei o tempo todo sentado na minha poltrona assistindo o show. Mesmo estando na platéia! Maria Bethânia cantava lá longe, longe demais dos espectadores, fazia um show para divindades, eu suponho. Um repertório de primeira, uma cenografia de primeira, uma iluminação de primeira, uma intérprete de primeira. Enfim, tudo perfeito, menos o show em si. Ela só se aproximou do público quando foi até a beira do palco agradecer. :(

Eduardo Araújo disse...

Ótima impressão. O DVD traz isso. Não se vê o público. Mas não acho uma perda. Já fui a outros shows dela q só faltava a nós publico subir ao palco. Acho q isso a diferencia. Cada show dela é uma proposta, uma experiência. E este excesso de stand up q tudo se converteu passou a fazer necessario algo dificílimo às sensibilidades atuais: a contemplação. Acho também q este show é uma resposta feroz e vigorosa as criticas q ela teve quando da proposta do site de leituras de poesia. Por isso no show a poesia e os cantos de proteção são defendidos com fúria.

Eduardo Araújo disse...

Ótima impressão. O DVD traz isso. Não se vê o público. Mas não acho uma perda. Já fui a outros shows dela q só faltava a nós publico subir ao palco. Acho q isso a diferencia. Cada show dela é uma proposta, uma experiência. E este excesso de stand up q tudo se converteu passou a fazer necessario algo dificílimo às sensibilidades atuais: a contemplação. Acho também q este show é uma resposta feroz e vigorosa as criticas q ela teve quando da proposta do site de leituras de poesia. Por isso no show a poesia e os cantos de proteção são defendidos com fúria.