sexta-feira, setembro 13, 2013

NEGRA



[Roubei do Facebook do Edson Ikê. Que poema! Que interpretação! Que extraordinário!]


2 comentários:

Anônimo disse...

Essas coisas arrepiam a gente! Extraordinário mesmo!
TH. Mendonça

Elizabeth Maia disse...

Maravilhoso!