quarta-feira, julho 13, 2011

Amar é crime


Ele diz que odeia os verbos de ligação e bota no título do livro. Esse Marcelino é f. Eu queria ir pra lá, estar no b-arco prestigiando o caríssimo amigo escritor, mas a gente vive é essa porrinha de vida de professorzim. Mas tou aqui, ansiando pelo momento de ler esse, que é dos meus escritores contemporâneo, o dileto.

Nenhum comentário: