domingo, agosto 22, 2004


Adriana Calcanhotto - Parangolé cor-de-rosa Posted by Hello

Adrian Calcanhoto, uma paixão Posted by Hello

Sambassim

Comecei um sambassim
sem pandeiro ou tamborim
como quem não sabe nada de samba
mas sempre ouviu tocar um bamba
(2X)

samba
samba (8X)

repete 1

eu nunca fui numa roda de samba
dessas de partido alto, quintal e varanda
mas meu samba tem repique, tem batuque
o sample é reco-reco e agogô
(2X)

esse samba é meu groove da vez
com guitarra e drum n´bass
só pra ver como é que fica
eletrônico coro da cuíca
(2X)

samba assim assado
de beat acelerado
será que é samba assim
samba assim assado
de beat acelerado
é sambassim
(2X)

se ficou um sambassim
com pandeiro e tamborim
e já penso que sei tudo de samba
vou sampleando, sambando, sou bamba
(2X)
vou sampleando, sambando, sou bamba (4X)

se ficou um sambassim
com pandeiro e tamborim
e já penso que sei tudo de samba
samba samba
sambassim sambassim...


Fernanda Porto e Dj Patife

Parangolé Pamplona

O parangolé pamplona você mesmo faz
O parangolé pamplona a gente mesmo faz
Com um retângulo de pano de uma cor só
E é só dançar
E é só deixar a cor tomar conta do ar
Verde
Rosa
Branco no branco no peito nu
Branco no branco no peito nu
O parangolé pamplona
Faça você mesmo
E quando o couro come
É só pegar carona
Laranja
Vermelho
Para o espaço estandarte
"Para o êxtase asa-delta"
Para o delírio porta aberta
Pleno ar
Puro Hélio
Mas
O parangolé pamplona você mesmo faz


Adriana Calcanhotto

MOTO PERPÉTUO

Dispositivos que se alega que permanecem em movimento ininterrupto sem injeção de energia e sem produzir trabalho externo. Obviamente tais dispositivos exigem energia para começar a se mover, mas nada mais depois disso. Esta descrição não é nada além de uma declaração do que moto perpétuo significa.

Moto Perpétuo - Kenoma Posted by Hello

A medida áurea, o numero de outro Posted by Hello

A MEDIA ÁUREA - O NÚMERO DE OURO

O número de Ouro, número áureo, relação áurea ou segmento áureo, é uma relação entre 2 valores, geralmente representados pela altura e largura de um retângulo, que corresponde ao valor 1,618....

Matematicamente pode ser calculado pela expressão:
(SQRT(5)+1)/2.

Muitas são as propriedades desta relação.
O campo de visão dos dois olhos do ser humano, independente da distância dos olhos até o objeto observado é um retângulo na relação áurea.
Os quadros pintados a partir da idade média, quase todos eles, têm a relação áurea.
Todas as partes do corpo humano guardam entre si a relação áurea. Assim, o comprimento do braço e do ante-braço, estão nesta relação; a altura de uma pessoa e altura que se encontra o coração também guardam a relação áurea.
A relação áurea também pode ser obtida pela divisão de 2 termos consecutivos quaisquer (acima do 10º termo, para maior precisão) da série de Fibonacci:
0 1 1 2 3 5 8 13 21 34 55 89 144 ...
Aparelhos de TV e monitores de computador têm aproximadamente a relação áurea entre altura e largura da tela.


O homem Vitruviano, de Leonardo Da Vinci Posted by Hello

O retângulo de outro

O retângulo de ouro expressa movimento porque este permanece numa espiral até ao infinito e mostra beleza porque a razão de Ouro é agradável à vista.


quinta-feira, agosto 12, 2004


O espelho Posted by Hello

Fragmento de Grande Sertão: Veredas

"Estremeço. Como não ter Deus?! Com Deus existindo, tudo dá esperança: sempre um milagre é possível, o mundo se resolve. Mas, se não tem Deus, há de a gente, perdidos no vai-vem, e a vida é burra. É o aberto perigo das grandes e pequenas horas, não se podendo facilitar -- é todos contra os acasos. Tendo Deus, é menos grave se descuidar um pouquinho, pois no fim dá certo. Mas, se não tem Deus, então, a gente não tem licença de coisa nenhuma! Porque existe dor. E a vida do homem está presa encantoada -- erra rumo, dá em aleijões como esses, dos meninos sem pernas e braços. Dor nao dói até em criancinhas e bichos, e nos doidos -- não dói sem precisar de se ter razão nem conhecimento?

JOÃO GUIMARÃES ROSA

TZEVETAN TODOROV

A literatura não é como a ciência. São outros os seus meios para levar ao conhecimentos. O escritor pode projetar-se na alma de pessoas, histórias ou fictícias, e fazer-nos revelações que, ainda que não sejam provadas, podem algumas vezes ser mais esclarecedoras do que o vasto acúmulo de fatos gerados pelo historiador, psicólogo ou sociólogo. Pelos atalhos da intuição e imaginação, o escritor pode sair-se bem onde o cientista falha.

Todorov

domingo, agosto 01, 2004

"PRAECIPIMUS UT GAEVIS SCRIPTURAE VETUSTAE, ET QUAE LITERAS IAM HABUERINT FUGIENTES, SEU QUAE VIX LEGI POSSINT... AUTHENTICE REFORMENTUR, NE OMNINO PE

"Ordenamos que toas as escrituras antigas e aquelas cujas letras estão desaparecendo e com dificuldade se podem ler... sejam reconstituídas fielmente para que em nada se percam."

LIVRO DO TOMBO DO MOSTEIRO DE SÃO BENTO DA CIDADE DE SÃO PAULO,
transcrição do manuscrito de 1766 do Mosteiro dos Beneditinos

Estrelas e estados Posted by Hello

PAULO FRANCIS, contraponto ao excesso de verde amarelo

DICIONÁRIO DE PAULO FRANCIS, 1. [Literatura contemporânea.] «Há qualquer coisa insuportavelmente mecânica e de segundo time nesse desespero dos modernos.»

Bandeira Posted by Hello

Bandeira2 Posted by Hello

SONETO ÁRCADE

Este é o rio, a montanha é esta,
Estes os troncos, estes os rochedos;
São estes inda os mesmos arvoredos;
Esta é a mesma rústica floresta.

Tudo cheio de horror se manifesta,
Rio, montanha, troncos, e penedos;
Que de amor nos suavíssimos enredos
Foi cena alegre, e urna é já funesta.

Oh quão lembrado estou de haver subido
Aquele monte, e as vezes, que baixando
Deixei do pranto o vale umedecido!

Tudo me está a memória retratando;
Que da mesma saudade o infame ruído
Vem as mortas espécies despertando.

CLAUDIO MANUEL DA COSTA

Olavo Bilac Posted by Hello

SONETO

Última flor do Lácio, inculta e bela,
És a um tempo, esplendor e sepultura:
Ouro nativo, que, na ganga impura,
A bruta mina entre os cascalhos vela...

Amo-te assim, desconhecida e obscura,
Tuba de alto clangor, lira singela,
Que tens o trom e o silvo da procela,
E o arrolo da saudade e da ternura!

Ameo o teu viço agreste e o teu aroma
De virgens selvas e de oceano largo!
Amo-te, ó rude e doloroso idioma,

Em que da voz materna ouvi: «Meu filho!»
E em que Camões chorou, no exílio amargo,
O gênio da ventura e o amor sem brilho!

Olavo Bilac

Todo mundo ama o Brasil? Posted by Hello

Todo mundo ama o Brasil, afirma revista 'Newsweek'

O Brasil é capa da versão latino-americana da revista
"Todo mundo ama o Brasil", diz o título de uma reportagem da revista americana Newsweek que chega nesta semana às bancas.
A reportagem é capa da versão latino-americana da revista, que diz que "um gosto pela cultura brasileira está varrendo o mundo" e estampa a manchete "Samba Chic".

A revista começa sua exaltação ao país contando a história de um brasileiro perdido em Paris, sem falar uma palavra de francês, que vê todas as portas se abrirem à simples menção de Brésil.

Segundo a Newsweek, até pouco tempo atrás, a palavra Brasil trazia à cabeça imagens de crianças de rua, dívida externa ou, na melhor das hipóteses, de uma mulher com um chapéu tutti-frutti na cabeça.

Agora, de acordo com a revista, a cultura brasileira está se espalhando por todos os cantos do mundo.

É caipirinha no restaurante Sushi Samba em Manhattan, Elza Soares trazendo abaixo o Jazz Café de Londres, aulas de capoeira em Toronto ou modelos bronzeadas dominando as passarelas de Milão à província do Cantão, na China.

Contágio

É hora de esquecer Gisele e Ronaldo, segundo a revista. O contágio brasileiro, diz a Newsweek, vai além da moda e do futebol.

A revista diz que os brasileiros expatriados ajudam a divulgar o nome do país. Ela lembra a grande comunidade verde e amarela em Nova York, Boston, e os cerca de 280 mil brasileiros descendentes de japoneses que fizeram o caminho contrário de seus ancestrais e se estabeleceram no Japão.

A reportagem prossegue lembrando a temporada brasileira na loja de departamentos Selfridges, de Londres, em maio deste ano, dizendo que o nome Brasil ajuda a empurrar os negócios para a frente.

E não esquece de mencionar que as mulheres européias e americanas que gastaram US$ 13 milhões (quase R$ 40 milhões) em biquínis brasileiros no ano passado costumam recorrer à depilação conhecida como Brazilian, como registrado no dicionário Oxford.

A obsessão pelo Brasil está se espalhando pelo mundo, diz a Newsweek, mas, às vezes, o próprio país não valoriza o que é seu.

E cita os casos das cantoras Bebel Gilberto e Luciana Souza, indicada duas vezes ao prêmio Grammy, como exemplos de brasileiros que fazem sucesso no exterior antes de serem reconhecidos em casa.

Para ilustrar, a revista relembra uma frase de Tom Jobim, que disse uma vez que, no Brasil, "sucesso é ofensa pessoal".

Lula

De uma maneira oblíqua, segundo a publicação, boa parte do crédito pelo sucesso atual do Brasil vai para Luiz Inácio Lula da Silva, "o carismático camponês que se tornou presidente e que luta contra o protecionismo dos países ricos levando fazendeiros dos Estados Unidos e da Europa aos tribunais internacionais de comércio".

A revista conclui a reportagem dizendo que outros países já estiveram na moda em outros momentos, já que Europa e Estados Unidos costumam importar "sabores exóticos" para afastar o tédio.

Segundo a Newsweek, um dia Ronaldo vai pendurar as chuteiras e Gisele vai descer do salto, passando a coroa do mundo da moda para alguma jovem da Croácia ou do Quênia.

"Ninguém está dizendo que a invasão brasileira veio para ficar. Mas vai ser divertido enquanto durar."



Assisti (julho/2004) a esta peça "O que diz Molero" no SESC em São Paulo, trata-se de um "romance encenado" (de um autor português). Uma experiência absolutamente maravilhosa, com de 4 horas de duração. Posted by Hello